Dorothea Lange ganha retrospectiva no MoMA em Nova York

0
116

Fotojornalista marcou história da fotografia com série feita com o governo americano que registrou a miséria após a Grande Depressão

A fotojornalista acaba de ganhar uma retrospectiva no Museu de Arte Moderna de Nova York (MoMA), em exibição que vai até 9 de maio. É a primeira grande retrospectiva de Lange no MoMA em 50 anos. O museu exibiu a fotografia de Florence primeiro em 1940 com o título de “Pea Picker Family, California”. Em 1966, logo após a morte de Lange, ele comprou a foto e deu seu nome definitivo: “Migrant Mother, Nipomo, California”.

A mostra traz as imagens mais famosas de Lange, mas também as mais desconhecidas. Não estão apenas na mostra o trabalho de Lange com a FSA. Há também os seus trabalhos na Segunda Guerra Mundial, em San Francisco, na Ásia, e também aqueles que focaram a população negra americana. A ideia é trabalhar com a dupla “imagem + palavra”. Lange disse sobre a junção destes dois elementos: “Toda fotografias – não só aquelas que chamamos de ‘documentais’ – podem ser fortalecidas pelas palavras”.

Fonte ; por Guilherme Dearo / Exame 

Museum of Modern Art  – 11 W 53rd St, New York, NY

Até 9 de maio

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here