Casa sustentável é uma moradia construída com materiais sustentáveis que tem como objetivo promover uma relação mais saudável com o meio ambiente e garantir o bem-estar dos moradores.

Uma casa 100% sustentável deve atender várias exigências técnicas para receber esse título. Existe até mesmo certificações para esse tipo de projeto, como a certificação AQUA-HQE e o selo ouro do Green Bulding Council.

características de uma casa sustentável

1 – Localização estratégica

Um projeto de casa sustentável começa na escolha da sua localização. Um local apropriado é aquele que fica longe de áreas de preservação, para evitar qualquer impacto negativo.

Também é interessante que uma casa sustentável fique próxima de locais com fácil acesso ao transporte público e lojas de conveniência.

Dessa forma, evita-se o uso de carros e a emissão de poluentes para a atmosfera

2 – Sistemas elétricos e hidráulicos com uso racional dos recursos

Projetos de casas sustentáveis criam alternativas para a geração de energia e uso da água.

É possível investir no uso de painéis solares, que reduzem os gastos no fim do mês.

Janelas grandes também ajudam na economia de energia em casas sustentáveis de baixo custo. Elas contribuem com a iluminação zenital e ventilação do ambiente.

O uso de brises e toldos é indicado para impedir a entrada da luz solar e permitir o conforto térmico da casa sustentável.

Outra solução que ajuda a manter a temperatura ideal na casa sustentável são os telhados verdes. Veja o que já falamos sobre ele no blog: Tipos de telhados – Aprenda a criar coberturas bonitas e seguras

Quando falamos do consumo de água na casa sustentável indica-se o uso de cisternas. Trata-se de reservatórios que servem para captar e armazenar água da chuva.

3 – Materiais construtivos que evitam o desperdício

Quem já gerenciou uma obra sabe que, no dia a dia, pode haver um desperdício de recursos como água, terra, argamassa, entre outros.

Um projeto de casa sustentável procura utilizar materiais que evitam essa situação. Um deles é o tijolo ecológico. Esse material é feito com cimento, água e terra e, ao contrário de outros tipos de cimento, dispensa o cozimento em forno. Dessa forma, não há o consumo de madeira e nem a emissão de gases poluentes.

Outro vantagem do tijolo ecológico para uma casa sustentável é que ele reduz o consumo de concreto, argamassa e aço, diminuindo a geração de entulho.

Também é comum encontrar projetos de casas sustentáveis no Brasil que levam outros materiais construtivos, como o barro e a madeira.

Eles também são muito encontrados na chamada arquitetura vernacular.

No caso da madeira, o material deve ser certificado para garantir que sua origem veio de práticas adequadas de manejo florestal

4 – Revestimentos com materiais sustentável

A decoração também faz parte de um projeto como esses .O avanço na tecnologia permitiu que os revestimentos evoluíssem para materiais mais sustentáveis.

Além da madeira de demolição, uma casa sustentável pode apostar em revestimentos à base de resina. O material possui em sua composição resina pet e resíduos de pedra.

Outra opção para casa sustentável é o ladrilho hidráulico, que é ecológico porque não emite gases com a queima em fornos

Uma casa sustentável oferece vantagens em  Custo – benefício, durabilidade, conforto acústico e térmico, além da beleza arquitetônico .

Fonte ; Vivadecora 

Anuncie seu imóvel na Toppo Artes , 

Maiores informações ; (43) 9136 – 9777 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here